]

Categories

Please Contact Europartner

Last News

O que você precisa saber sobre investimento no Brasil durante ano eleitoral

Em ano eleitoral, muitas empresas estrangeiras preferiram adiar a realização de investimento no Brasil em decorrência das oscilações econômicas e políticas. O movimento de frear os investimentos estrangeiros acontece com […]

Como iniciar uma empresa de capital estrangeiro no Brasil?

Constituir uma empresa no Brasil pode ser um verdadeiro desafio! Ainda mais para empreendedores que não estão familiarizados com as burocracias no país. Por isso, ao iniciar um negócio de […]



Empresas líderes do setor de Energia no Brasil em 2022

Posted 2022-05-20 LEADING COMPANIES OF THE ENERGY INDUSTRY IN BRAZIL IN 2022

O Brasil é um dos países que lideram a geração de energia hidrelétrica, depois da China. O crescimento de companhias elétricas no país é surpreendente, assim como o desenvolvimento da Enel, uma das maiores empresas de energia do Brasil, agora, líder no setor elétrico brasileiro.

Uma pesquisa publicada pela Statista, revelou uma lista com mais de 25 empresas líderes de energia elétrica no Brasil, com base na receita líquida gerada. Veja quais são as companhias que mais se destacaram: 

Top 3: maiores empresas de energia do Brasil

 

A primeira colocada nesta lista é a Enel Brasil, que gerou mais de R$36 bilhões em receita, e se tornou uma das maiores companhias elétricas da América Latina, ocupando a oitava posição das dez primeiras colocadas. 

Já na segunda posição com o melhor desempenho ficou a Neoenergia, do grupo espanhol Iberdrola, com pouco menos de R$32 bilhões, e a CPFL Energia, que até então era líder e ficou em terceiro lugar, com mais de R$29 bilhões. 

Enel Brasil: empresa líder em distribuição de energia elétrica

 

A Enel Brasil, do grupo italiano Enel, ocupa o primeiro lugar do ranking como uma das maiores empresas de energia do Brasil. A companhia integra o mercado global de energia e gás em mais de 31 países.

Sua capacidade de fornecimento de energia é em torno de 89,8 GW, sendo 50,5 GW de energia renovável e uma rede que alcança 2,2 milhões de quilômetros, ou seja, mais de 75 milhões de pessoas no mundo que recebem energia.

Consumo de energia por atividade econômica

 

De acordo com dados apresentados pelo Boletim InfoMercado Quinzenal da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), que monitora o consumo de energia em mais de 15 áreas econômicas, os setores que registram as maiores altas de consumo em 2022, foram Madeira, Papel e Celulose (+14,6), Serviços (+8,1%) e Químicos (+6,1%).

No entanto, as áreas que mais reduziram o consumo de energia elétrica nos últimos 12 meses do ano foram a Indústria têxtil (-9,4%), Produção de Veículos (-7,7%) e Segmento de Manufatura (-5%).

Consumo energia nos estados

 

Outro fator importante, é o monitoramento de energia realizado nos estados do Brasil, desde janeiro de 2021. O Paraná é o estado com maior alta no consumo de energia (12%), seguido por Mato Grosso (10%) e Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul e Rondônia, que avançaram 8% cada um. 

A principal razão para o alto índice de energia nesses estados é a influência do cenário climatológico e as fortes ondas de calor, logo nos primeiros meses do ano.

Apesar disso, também foram registrados estados com redução no consumo, devido ao grande volume de chuvas, como no Piauí (-12%), Paraíba (-8%) e Rio de Janeiro (-7%). 

Redução de consumo de energia em 2022

 

Os dados coletados pela CCEE também apontam que o Brasil demandou 66.751 megawatts médios em janeiro, uma redução de 0,7% do consumo de energia. Isso porque houve uma alteração do Mercado Regulado (ACR) que fornece energia para as pequenas empresas e residências. 

O consumo médio desses setores foi de 44.228 MW, uma quantia de 3,2% menor na comparação anual.

Já o Mercado Livre de Energia (ACL), que abastece energia às grandes indústrias, shoppings e redes comerciais, mostrou uma demanda média de 22.522 MW, quantidade 4,7% maior no comparativo com janeiro de 2021.

Para a coleta desses dados de consumo, a CCEE considerou informações que podem impactar diretamente nos números, como a migração desses setores para o Mercado Regulado ou Mercado Livre e a forma que a energia é distribuída, como, por exemplo, através de painéis solares.

A Europartner apoia o setor da energia

 

A Europartner é uma empresa especializada em contabilidade e consultoria, que apoia a construção de empreendimentos no Brasil, inclusive de empresas do setor da energia.

Com mais de 15 anos de experiência no mercado, nosso maior objetivo é contribuir com empresas através de um gerenciamento administrativo e financeiro eficiente, para garantir bons resultados e transformar empresas em organizações sólidas. 

Para saber mais sobre como podemos ajudar, envie um e-mail com suas dúvidas, entraremos em contato.

Author's post: Europartner Accounting